FORÇAS DO MALI EXECUTAM COMANDANTE DO ESTADO ISLÂMICO

A TV estatal do Mali diz que um alto comandante do Estado Islâmico que tinha uma recompensa de US$ 5 milhões (£ 4 milhões) pela sua cabeça foi morto por uma força que incluía tropas do Mali, Burkina Faso e Níger.

Google tradutor…

Abu Huzeifa esteve ligado a vários ataques de alto perfil na região do Sahel.

Isto incluiu um ataque de 2017 que matou quatro soldados americanos e vários soldados do Níger.

Mali, Burkina Faso e Níger sofreram ataques implacáveis de combatentes jihadistas.

Todos os três países estão sob regime militar e têm desenvolvido laços estreitos com a Rússia, ao mesmo tempo que cortam laços com aliados ocidentais, incluindo os EUA.

Eles têm recebido bem a ajuda militar russa, ao mesmo tempo que forçam a saída de tropas de outros países.

Abu Huzeifa, também conhecido como Higgo, foi descrito pela reportagem da TV estatal do Mali como cidadão marroquino e comandante da autodenominada província do Sahel do EI.

Afirmou que ele foi morto no domingo numa operação na cidade de Indelimane, no norte da região de Menaka, descrevendo-a como “uma vitória contra a maldição do mal”.

O governo dos EUA disse que Hufeiza era procurado em conexão com um ataque a uma equipe das Forças Especiais dos EUA no Níger em 2017, que levou à morte de quatro soldados americanos e quatro nigerianos.

Mais tarde, o EI assumiu a responsabilidade pelo ataque.

Fonte: BBC

0

Publication author

offline long ago

MAJOR

0
Comments: 0Publics: 231Registration: 27-02-2023
Subscribe
Notify of
guest

1 Comentário
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
chitaozinho da deepweb

nem o estado islamico tem peito de aço, todo mundo que com o ferro fere, pelo ferro será ferido

0