HOMENS SÃO EXECUTADOS COM TIROS NA CABEÇA APÓS INTERROGATÓRIO NO MÉXICO

Versões não oficiais apontam o CJNG como o grupo criminoso por trás desses eventos.

Antes de serem executadas, as vítimas foram interrogadas pelos pistoleiros.

Conrado Corral Leyva, chefe da Delegacia de Polícia de Zitácuaro, ligada à Secretaria de Segurança Pública de Michoacán, foi novamente alvo de acusações por suas aparentes ligações com o crime organizado.

Na noite de 27 de janeiro, as autoridades locais encontraram um veículo abandonado em um posto de gasolina no bairro Emiliano Zapata. No porta-malas estavam os corpos de três homens e um pedaço de papelão com a seguinte mensagem: “Essas pessoas mortas são para você, Conrado. O dia em que você não estiver mais neste município, teremos paz”.

Horas antes da descoberta, um vídeo foi divulgado nas redes sociais mostrando o interrogatório ao qual as vítimas foram submetidas. No material, um dos sujeitos está deitado no chão, enquanto os outros dois estão ajoelhados. Atrás deles estão três assassinos contratados que conduzem a conversa.

A tradução do vídeo:

Sicário: Qual é a sua ocupação?

Cativo: Nós roubamos e vendemos drogas.

Sicário: Para quem vocês trabalhavam?

Cativo: Para o Comandante Reséndiz da Guarda Estadual.

Sicário: O que vocês fazem com o produto roubado?

Cativo: Nós vendemos tudo e toda segunda-feira prestamos contas ao Comandante Conrado sobre tudo o que aconteceu. Se por acaso ele não estiver por perto, nós nos reportamos ao Comandante Reséndiz.

Sicário: Agora entendemos por que a Guarda Civil não prende ladrões. E as autoridades podem confirmar que ultimamente não houve prisões de ladrões. Tudo isso é devido às ações da Guarda Civil.

0

Publication author

MAJOR 2 461
💀Nosso sorriso para os invejosos funciona como o brilho do sol para um vampiro. Acaba com a vida deles.
Comments: 18Publics: 2488Registration: 14-07-2022

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *