MACUMBA PARA CORPO FECHADO TESTADA E REPROVADA NA NIGÉRIA

O feiticeiro tinha acabado de fazer o encanto em um de seus seguidores e pediu para um homem armado com uma espingarda, atirar contra a vítima, para testar o feitiço a prova de balas.

Uma tragédia ocorreu no acampamento de Laoso, na cidade de Ondo, no estado da Nigéria, quando um filho de um praticante de religião tradicional, identificado como Tunde Akinmoyewa, foi morto a tiros por seu amigo, Bode, enquanto testava a eficácia de um amuleto colocado nele. A polícia do estado informou que a vítima era um ex-presidiário e membro de uma seita, enquanto o suspeito do assassinato também era um cultista.

Relatos indicam que os amigos estavam tentando se proteger em preparação para o festival anual de Ogun na cidade.

O Saturday Vanguard informou que o amigo foi solicitado a testar a eficácia do amuleto colocado na vítima com uma espingarda.

Um relato de uma testemunha ocular disse que “foi inacreditável, porque tais amuletos nunca haviam falhado antes”. Mas neste dia, este em particular falhou e causou a morte do filho de 27 anos de um praticante de religião tradicional no acampamento. Foi por volta das 18h45 no acampamento de Laoso, no governo local de Ondo West, quando um amigo de Tunde se voluntariou para testar o amuleto nele após beber uma poção repelente de balas.

“Um curandeiro, que supostamente preparou o amuleto, havia garantido a eles que não morreriam de tiros. Para testar a eficácia do amuleto, Tunde teria dito ao amigo para atirar nele primeiro.

Imediatamente, o amigo de Tunde disparou a espingarda de chumbo contra ele, ele caiu e morreu instantaneamente. Ele foi confirmado morto no hospital para onde foi levado por outras pessoas no local. O amigo, após o incidente horrível, fugiu antes que os moradores chegassem ao local.”

Ao ser contatada, a porta-voz do comando de polícia do estado, Funmi Odunlami, disse que a vítima era um ex-presidiário e membro de uma seita. Odunlami acrescentou que o suspeito, que atirou na vítima, era um dos rapazes do falecido.

Segundo ela, “eles estavam testando uma espingarda de fabricação local que acreditavam ter adquirido recentemente. Ele foi baleado e morreu enquanto era levado ao hospital para atendimento médico.”

A porta-voz da polícia acrescentou que os restos mortais do falecido foram depositados no necrotério, enquanto estão sendo feitos esforços para prender o suspeito em fuga.

0

Publication author

offline 4 horas

MAJOR

2 459
💀Nosso sorriso para os invejosos funciona como o brilho do sol para um vampiro. Acaba com a vida deles.
Comments: 18Publics: 2727Registration: 14-07-2022
Subscribe
Notify of
guest

1 Comentário
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vlad Tepes

Que burro, esqueceu de trocar a bala de verdade por bala de festim. Não combina direito, daí a mágica sai errado.

0