Mulher fica com faca cravada no pescoço após tentativa de feminicídio em Nova Iguaçu

Técnica de enfermagem Christiane dos Santos Genonez, de 43 anos, foi socorrida às pressas ao Hospital Geral de Nova Iguaçu, onde foi atendida e já recebeu alta

O estado do Rio de Janeiro registrou mais um caso de tentativa de feminicídio na última quarta-feira (28). O crime aconteceu no bairro Corumbá, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, quando a técnica de enfermagem Christiane dos Santos Genonez, de 43 anos, acabou com uma faca cravada no pescoço, além de outros quatro cortes nas costas e braços.

Segundo a vítima, o ataque foi feito pelo ex-marido na frente da casa onde mora.

Christiane foi socorrida às pressas por familiares e amigos ao Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI).

Em um vídeo feito pelo filho, enquanto ela era socorrida, é possível ver a faca que atravessa a lateral do pescoço da mulher, além de outros ferimentos.

De acordo com a direção da unidade, Christiane foi atendida na madrugada de quarta-feira (28), após sofrer um corte no rosto provocado por arma branca. Ela foi avaliada, teve o ferimento tratado e recebeu alta com orientações médicas.

Em entrevista a técnica de enfermagem contou que é a terceira vez este ano que o ex-companheiro, com quem terminou a relação há dois anos, tenta agressões. Em junho, ele teria invadido sua casa e desferido golpes com um pedaço de madeira e um cutelo.

Christiane relatou ainda que no ano de 2000, no começo da relação, o homem chegou a ficar preso por 13 dias, por agressão contra ela. A técnica de enfermagem afirma que possui duas medidas protetivas contra o ex-marido.

O caso foi registrado pelo filho da vítima na 58ªDP (Nova Iguaçu).

A Polícia Civil informou que o caso foi registrado na 58ª DP (Posse). Os agentes já ouviram os depoimentos de testemunhas e realizam diligências para localizar o suspeito do crime.


0

Publication author

offline 4 horas

MAJOR

MAJOR 648
💀Nosso sorriso para os invejosos funciona como o brilho do sol para um vampiro. Acaba com a vida deles.
Comments: 9Publics: 1037Registration: 14-07-2022
Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Vlad Tepes

Eis a prova da infuncionabilidade do Estado brasileiro. Temos um bando de zé-bunda criando pseudo-leis com nomes floreados, tipo, “feminicidio” da qual só funciona no mundo das teorias. Se a intenção fosse resolver o problema, a lei já teria evitado muitos homicídios quando ainda se chamava crime passional.
Então a pergunta: Pq depois de 3 tentativas de agressão à tentativa de homicídio o indivíduo está solto?
Claro, a mulher acaba morta, entra para estatísticas de feminicidio, depois um bando de parasitas usando terno e gravata em Brasília usam a sua morte como desculpa para pedir votos em troca de protege-las das leis ineficazes das quais eles mesmos criaram.

0
Mr Young

Enfim !. Trágico mais cada um é responsável daquilo que escolhe pra sí ,. olha ai o resultado não quis um homem quis um Animal🤣

0
BEM FEITO

Ééé, baixada fluminense. nova Iguaçú, Belford roxo e etc… as vezes bandido de fuzil na mão tem até mais respeito com o zotros doque os chamados trabalhadores pae, mae de família.

0