Homem é atacado dentro de hospital em Vacaria e ferido com 17 golpes de tesoura

Briga havia ocorrido no bairro São João e teve sequência quando os envolvidos se encontraram durante atendimento médico

Uma briga ocorrida supostamente por motivo passional, em Vacaria, na noite do sábado (23), resultou em um ataque dentro do Hospital Nossa Senhora da Oliveira com um homem sendo ferido com 17 golpes de tesoura.

Conforme informação da Polícia Civil, na manhã deste domingo (24), três pessoas seguiam internadas.

A polícia registrou que a briga começou no bairro São João. O motivo seria que um dos envolvidos não se conformava com o fim de um namoro. Ele teria invadido uma casa para agredir o atual namorado de sua ex. Três pessoas teriam se ferido. Duas pessoas teriam ido para o hospital por conta própria. Um terceiro teria sido levado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A nova briga ocorreu quando se encontraram no hospital.

Imagens de câmera de segurança do hospital – e que circularam em grupos de WhatsApp – registraram a invasão à sala da recepção da emergência. Um homem entra correndo e começa a agredir outro que estava sendo encaminhado ao atendimento. O homem que invadiu o hospital acaba sendo imobilizado e passa a receber golpes com uma tesoura, que teria sido pega de um atendente.

Mesmo caído no chão, ele segue recebendo golpes de um homem, enquanto outro o segura pelo pescoço. O homem que está com a tesoura chega a sair da sala. Depois, volta e entrega a tesoura para o que está segurando a vítima pelo pescoço. A vítima recebe mais golpes e chutes. Um dos agressores sai da cena com o corpo e as mãos sujas de sangue.

As imagens mostram que pacientes que estavam esperando atendimento correm para sair da sala. Nenhuma equipe de saúde ou da segurança do hospital apareceu para intervir no ataque.

Conforme a polícia, foi apreendido o adolescente que segurou a vítima pelo pescoço enquanto o comparsa dava os golpes de tesoura. Ele foi autuado em flagrante por ato infracional análogo ao crime de tentativa de homicídio. O caso está sendo atendido pelo delegado Rafael Felipe Keller. Ele explicou que as circunstâncias do que ocorreu ainda estão sendo apuradas. Como estavam em atendimento, os envolvidos feridos ainda não tinham sido ouvidos pela polícia até o começo da tarde de domingo.

0

Publication author

offline 8 horas

MAJOR

2 459
💀Nosso sorriso para os invejosos funciona como o brilho do sol para um vampiro. Acaba com a vida deles.
Comments: 18Publics: 2731Registration: 14-07-2022
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments