HOMEM MATA MULHER A FACADAS DENTRO DE LOJA NO NORTE DE MINAS GERAIS

Segundo a Polícia Militar, a vítima foi socorrida para uma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos. Durante a tentativa de imobilizaçaõ do autor, ele foi atingido por disparos de arma de fogo e permanece em estado grave no Hospital de Brasília de Minas, sob escolta policial.

Uma mulher, de 57 anos, foi esfaqueada e morta pelo ex-marido na manhã desta quinta-feira, em Ubaí, no Norte de Minas.

A ocorrência foi registrada no Centro da cidade, por volta das 10h30. Segundo o sargento Vinícius Souto, eles foram casados durante 28 anos, tinham se separado há cerca de um ano, e tinham três filhos. A mulher tinha medida protetiva contra o autor expedida desde janeiro e a suspeita é que a motivação do crime tenha sido passional. O homem, de 53 anos, correu atrás da vítima na Rua Elizeu Veloso, ela tentou pedir socorro em uma loja de eletrodomésticos, mas, como o homem estava armado com a faca, ninguém conseguiu impedir o crime, que foi concretizado dentro da loja.

Maria das Dores Pereira Mourão da Silva foi atingida com sete facadas, encaminhada a unidade de saúde da cidade, mas não resistiu aos ferimentos. Imagens de segurança registraram o momento do crime.

“Populares chegaram desesperados na delegacia informando que a mulher tinha sido esfaqueada. Imediatamente, a PM foi até o local. Ao chegar lá, verificamos a vítima esfaqueada caída ao chão e o homem ainda estava com a faca na mão. Ao pedirmos para ele se entregar, ele colocou a faca no próprio pescoço e veio para cima da guarnição. Com isso, foi realizado um disparo na perna do autor no intuito de imobilizá-lo. Ainda assim, ele continuou em direção a polícia, foram efetuados mais cinco disparos”, confirmou o sargento Vinícius Souto.

O homem foi atingido com três tiros no torax, um na coxa e outro no joelho. Ainda segundo o sargento, ele foi encaminhado ao Hospital Senhora Santana, de Brasília de Minas, em estado grave, onde permanece sob escolta policial.

A Perícia Civil compareceu ao local e encaminhou o corpo para o IML de Januária. A arma utilizada no crime foi apreendida. Devido a intensidade dos golpes, a lâmina quebrou.

Maria das Dores registrou um Boletim de Ocorrência em 3 de janeiro deste ano por lesão corporal. Esteve no quartel da PM e relatou que, no final do ano passado, foi agredida pelo ex-companheiro. Na época, ela levou um golpe no pescoço. Familiares intervieram e ajudaram.

No dia em que registrou o boletim, Maria das Doras explicou que ela e o agressor moravam em casas diferentes e que, do relacionamento, nasceram os três filhos.

Fonte: G1 MG


0

Publication author

offline 1 hora

BIZARRO

BIZARRO 248
Bizarro é algo bom. O comum tem milhares de explicações. O bizarro dificilmente tem alguma.
Comments: 4Publics: 400Registration: 03-09-2022
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments